Processos de envelhecimento e o desgaste generalizado da coluna podem aumentar as chances de se desenvolver uma hérnia de disco, que também pode ser causada por atividades repetitivas ou algum ferimento causado à coluna.

SOBRE A HÉRNIA DE DISCO CERVICAL

Você provavelmente conhece a hérnia cervical pelo seu nome mais popular: “hérnia de disco”. Neste caso, o disco pode abrir, fazendo com que o líquido interno force os nervos ao redor na coluna. Para alguns, substituir cirurgicamente o disco afetado por um artificial pode ser uma opção viável.

Dores e sintomas causados por uma hérnia de disco são problemas comuns para alguns adultos. A coluna vertebral é composta de muitas estruturas anatômicas diferentes, incluindo músculos, ossos, ligamentos e articulações. Cada uma destas estruturas tem terminações nervosas que podem detectar problemas dolorosos quando estes ocorrerem.

DEFINIÇÃO

Os tecidos entre os ossos da coluna são denominados discos intervertebrais. Estes discos são compostos de um centro macio, semelhante a um gel, e um revestimento externo rígido.

O disco intervertebral cria uma junta entre cada um dos ossos da coluna que os permite se moverem. Quando o revestimento externo de um disco se rompe, seu centro pode passar pela abertura, criando uma hérnia de disco.

CAUSAS

À medida que envelhecemos, os discos em nossas colunas podem perder sua flexibilidade e elasticidade. Os ligamentos em torno dos discos se tornam frágeis e rompem com maior facilidade. Quando ocorre uma hérnia de disco, a mesma pode pressionar nervos espinhais próximos (radiculopatia) ou pressionar a medula espinhal (mielopatia), causando dolorosos sintomas.

SINTOMAS

Uma hérnia de disco pode causar dores no pescoço, dor irradiante nos braços, dores nos ombros e dormência ou formigamento nos braços ou mãos. A qualidade e tipo de dor pode ser enfadonho, contínua e difícil de localizar. Ela também pode ser aguda, com ardência e de fácil identificação.

Dores nos braços e no pescoço geralmente são o primeiro sinal de que suas raízes nervosas estão irritadas por conta de um problema no pescoço.

Sintomas como dormência, formigamento e fraqueza nos músculos podem indicar um problema mais sério.

A principal reclamação relacionada a uma hérnia de disco nas costas geralmente é uma dor cortante, pronunciada. Em alguns casos, pode haver um histórico de episódios prévios de dor localizada, que se apresenta nas costas e continua pela perna em que está o nervo afetado.

Normalmente, a dor é descrita como profunda e pronunciada, muitas vezes piorando ao passo em que percorre a perna afetada. A dor de uma hérnia de disco pode ocorrer de forma súbita ou ser anunciada por uma sensação de rasgo ou estalo na coluna.

FATORES DE RISCO

Processos de envelhecimento e o desgaste generalizado da coluna podem aumentar as chances de se desenvolver uma hérnia de disco, que também pode ser causada por atividades repetitivas ou algum ferimento causado à coluna.

 

OUTROS FATORES:

 

1 – Fatores hereditários;

2 – Traumas diretos ou de repetição;

3 – Fumo;

4 – Idade avançada (também é motivo de lesões degenerativas);

5 – Sedentarismo (é um fator determinante para dores nas costas);

6 – Ação de inclinar e girar o tronco frequentemente;

7 – Posição de ficar em pé ou sentado por muito tempo, principalmente no trabalho;

8 – Ação de levantar, empurrar e puxar objetos;

9 – Movimentos repetitivos em casa ou no trabalho;

10 – Prática esportiva;

11 – Trabalho que provoca vibrações no corpo;

12 – Trabalhar dirigindo;

13 – Fletir o tronco com frequência para apanhar objetos;

14 – Fatores psicológicos e psicossociais.


Previna-se! Adote uma vida saudável e com atividades fisicas e fortalescimento muscular.

Dúvidas? É só enviar uma mensagem através do questionário abaixo!

 


Ficha de Interesse

Favor preencher o formulário abaixo, um de nossos consultores entrará em contato com você.

Entre em contato para marcar uma consulta


Enviar mensagem