A avaliação é considerada pelos especialistas como a principal parte da abordagem fisioterapêutica. Somente uma avaliação minuciosa e criteriosa conduz ao tratamento adequado. Como o corpo humano é complexo e considerando que diferentes órgãos e tecidos podem provocar diferentes sinais e sintomas faz-se necessária a análise de diversos componentes relacionados direta ou indiretamente a queixa do paciente.